quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Profecias sobre o PSD

Uma das coisas mais idiotas que se propaga no comentário político nacional é a profecia sobre o futuro do PSD. Auguram-lhe terríveis travessias no deserto, anos, talvez décadas, fora do poder, sei lá que mais. Por mim, nada tenho contra. Contudo, tudo isto não passa de fantasia sem pés nem cabeça. Quantas décadas de purgatório foram prognosticadas ao PS após os anos negros de Sócrates? Ainda se lembram dos comentários? A realidade é tão volátil, as condições do país tão frágeis, que tudo pode mudar de um momento para o outro. O PSD de hoje é uma coisa, o de Fevereiro, caso haja eleições internas em Dezembro, será outra. E como será a realidade internacional daqui a seis meses ou a um ano? Ninguém sabe. Como ninguém sabia, antes das eleições de 2015 que o BE e o PCP estariam na área da governação. Se a esquerda quiser continuar no poder, o melhor é nem olhar para estas profecias estapafúrdias sobre o destino do PSD e trabalhar para que o país funcione. O resto é um palavreado inútil.

Sem comentários:

Enviar um comentário